Brasil – Fernando de Noronha

/, Melhores Destinos - Nacionais/Brasil – Fernando de Noronha

Brasil – Fernando de Noronha

O Aquipélago de Fernando de Noronha mexe com o imaginário de muitos brasileiros. O lugar tem fama de ser uma paraíso na Terra, e quer saber? É mesmo. Algumas de suas praias são as mais bonitas do Brasil, a água tem uma coloração incrível e a vida marinha… ah, essa é tão rica que é quase impossível descrever. O mergulho com cilindro é considerado um dos melhores do mundo e, mesmo nas praias, você pode nadar entre pequenos tubarões e tartarugas. Com 21 ilhas e ilhotas, apenas 17km² e a menor BR do Brasil, há quem duvide que Fernando de Noronha mereça todos os elogios que se ouve, mas é tudo verdade, ninguém exagerou. A beleza do lugar é inquestionável. Quando se fala em natureza, preservação e biodiversidade, o distrito, que pertence a Pernambuco, está de parabéns. Só vendo para crer. Basta um mergulho pelas águas cristalinas da Baía do Sancho ou um snorkel na Baía dos Porcos para entender a magia de Noronha. As praias recortadas em meio a grandes formações rochosas parecem ter sido desenhadas à mão. A mistura de tons verdes, azuis-claros e escuros do mar são o cenário perfeito para quem busca tranquilidade e um pouco de inspiração. Noronha foi uma base militar com ótimo sistema de fortificação e também prisão, que deixaram como herança fortalezas com uma bela vista para o pôr do sol. Hoje em dia sua área está dividida entre a APA (Área de Preservação Ambiental) e o Parque Nacional Marinho, que fazem a proteção do lugar. Ver golfinhos acompanhando os passeios de barco e tubarões num mergulho no mar não são fatos nada raros. Mas a beleza tem seu preço e ele não é nada baixo. O turista que vai a Noronha precisa desembolsar uma grana, já que tudo chega apenas de avião ou por embarcações – mas não desanime, pois o lugar vale cada centavo. O acesso à ilha é controlado e por isso vale a pena programar bem a viagem. Fique o máximo de dias que puder nesse paraíso: ande, conheça, explore e se encante com esse lugar que, orgulhosamente, faz parte de nosso país.

Quando ir a Fernando de Noronha

Fernando de Noronha é um lugar tão incrível que, independentemente da época escolhida, será uma viagem prazerosa. No entanto, o tempo e as condições do mar variam ao longo do ano. Escolher uma época para viajar é também escolher que  Noronha você encontrará. Os nativos dizem que Noronha tem duas estações: uma seca (de agosto a fevereiro) e uma chuvosa (de março a julho). Mas estar na época de chuvas não significa que vai chover todos os dias – são chuvas esporádicas e mesmo nesse período você desfruta de bons dias de sol. É bom recordar, apenas, que as chuvas fazem as ruas de terra ficarem cheias de lama e esse é um fato bastante desagradável para quem precisa caminhar. Para quem gosta de surfar, os meses de dezembro a março são bons, mas janeiro e fevereiro são os melhores, com ondas tão boas que fazem a ilha ser conhecida como o Havaí brasileiro. O responsável pelo sucesso entre os surfistas é o swell, um vento que provoca ondas enormes. Já para quem é do time do mergulho ou prefere um mar tranquilo, o ideal é viajar em setembro e outubro, quando o mar está calmo e a visibilidade chega a 50 metros. A temperatura média em Noronha é de 28°C, e ao longo do ano ela se mantém estável. O mar, além de limpo, está sempre na casa dos 24°C. Noronha é quente o ano todo, por isso leve muitas roupas frescas, mas vale também o reforço de ter um agasalho para se proteger do vento. Os meses escolhidos para sua viagem significam também encontrar hospedagens e serviços mais baratos ou caros. Nos períodos de férias, como final de dezembro, janeiro, fevereiro e julho, a ilha fica mais cheia. A diferença é tão significativa que, num período de Réveillon, a diária de um buggy chega a custar até R$ 500, enquanto em maio, o mesmo serviço custa R$ 150. Entre abril, maio e junho as chances de encontrar bons preços nas pousadas é maior. Como as variantes são muitas, analise que tipo de situação você prefere encontrar para escolher a data de sua viagem. Lembre que, independentemente da data, Noronha é sempre quente e bela, além de um verdadeiro encanto para os olhos.

O que fazer em Fernando de Noronha

As principais atividades em Noronha giram em torno do mar. Basta sair um sol para que todos os turistas queiram ir à praia para curtir um mergulho refrescante. Quem quer se surpreender com água cristalina e visual paradisíaco não pode deixar de ir à Baía do Sancho ou à dos Porcos. Já para quem quer ficar perto do centrinho, ir à Praia da Conceição é a melhor ideia – essa praia é um point na ilha. Aproveitando toda a pureza da água, faça um mergulho com cilindro, ou mesmo com máscara, e ficará deslumbrado com a diversidade marinha de Noronha. Peixinhos, tartarugas e pequenos tubarões são visitantes muito bem-vindos. À noite, assista às paletras do Projeto Tamar, supereducativas, e, se quiser dançar, não deixe de ir ao Bar do Cachorro. Curta o som do maracatu, o ritmo que embala Pernambuco, e depois um bom forró, que segue noite adentro. Confira aqui tudo que esse paraíso brasileiro reserva para você.

  • Atalaia

    Atalaia

    Apesar de ser chamada de praia, a Atalaia é, na verdade, um aquário natural, com água muito cristalina e rasa. Na maré baixa os cristais algais (que são parecidos com corais) formam uma barreira, deixando o lugar propício para moradia de peixes de diversas espécies. Para chegar à Atalaia é preciso fazer uma…

  • Baia-do-sancho

    Baía do Sancho

    Ela é considerada a praia mais bonita do Brasil, e não é pra menos. Curtindo a visão panorâmica, observando a cor da água e seus arredores, é impossível não ficar extasiado. O acesso é complicado, mas vale cada degrau descido. Primeiro o visitante precisa passar por dois lances de escadas entre fendas nas…

  • Ilhatour-praia-do-sueste

    Ilhatour

    É o passeio mais completo de Noronha, em que você conhece as mais famosas praias da ilha, com parada para mergulho. O trajeto inclui Praia do Leão, Sueste, Sancho, Cacimba do Padre e Baía dos Porcos, finalizando no mirante do Boldró. É impossível não ficar de queixo caído com as visões panorâmicas e…

  • Mergulhao

    Mergulhão

    Sem dúvidas é um dos melhores restaurantes de Fernando de Noronha. A vista para o mar durante o dia é lindíssima e traz uma sensação de relaxamento muito grande. A música é boa, o cardápio é variado e os pratos, criativos, incluem os mais diversos ingredientes. Assim como tudo em Noronha, não…

  • Muzenza

    Muzenza

    O lugar já teve outros nomes no passado, mas sempre foi conhecido como “a pizzaria ao lado da igreja”. É lá que ocorrem algumas apresentações ao vivo de forró e reggae, e, intercalado com o Bar do Cachorro, anima a noite de Noronha. A pizza também é boa e fininha, mas cara, como tudo mais em Noronha. O lugar…

  • Praia-do-cachorro

    Praia do Cachorro

    A Praia do Cachorro é a mais próxima da Vila dos Remédios e acaba sendo um dos pontos que os turistas visitam quando querem um banho de mar pertinho da pousada. A água do mar nessa praia é muito bonita, com tonalidade esverdeada, bem clarinha. O acesso é simples, bastando descer uma escadaria para ter acesso à praia. Na…

  • Praia-do-leao

    Praia do Leão

    É a principal praia de desova de tartarugas, por isso tome muito cuidado ao pôr os pés na areia. Também por causa das tartarugas, é proibido ficar na praia após as 18h, e sempre há um controle rígido para evitar qualquer acidente. A visão panorâmica da praia é incrível,   e quem a visita…

  • Praia-do-porto

    Praia do Porto

    Muita gente não dá bola pra essa praia por achar seu visual mais comum e, por isso, pensa que ela não tem nada de especial. Ledo engano! Essa é a praia que muitos locais gostam de visitar, mas é também uma praia ótima para mergulho. Não muito longe da areia, está uma embarcação naufragada que hoje…

  • Praia-do-sueste

    Praia do Sueste

    A praia é boa para mergulho, mas é conhecida principalmente por ser a praia de alimentação de tartarugas. Quer ver tartarugas? Vá até lá! As ondas são fracas e, além das tartarugas, você pode observar muitos pássaros e lagartos. Para completar a beleza, do lado oposto da praia fica um mangue – coisa…

  • Programacao-das-palestras-no-projeto-tamar

    Projeto Tamar

    O Projeto Tamar, conhecido por seu trabalho com tartarugas-marinhas, tem uma uma sede muito importante em Noronha. A Praia do Leão é um ponto de desova de tartarugas e o projeto auxilia no monitoramento desses animais, que buscam a praia para se reproduzir. Além disso, na época em que não há reprodução, os…

  • Mirante-do-boldro

    Mirante do Boldró

    O Mirante do Boldró é um dos ótimos lugares para terminar o dia em Noronha. Isso porque o pôr do sol é, indiscutívelmente, incrível. Do mirante você pode admirar o mar de águas cristalinas da ilha se encontrar com o sol, um espetáculo para ver e registrar na mente. É exatamente ao lado do mirante que…

  • Aquasub

    O Aquasub é uma das atividades mais interessantes em Noronha. Puxados por um barco, turistas seguram uma pequena prancha e podem mergulhar na água fazendo diversas acrobacias e observando peixinhos coloridos. Inclinando a prancha para baixo você poderá fazer manobras e inclinando para cima você voltará à superfície – uma…

  • Baia-dos-porcos

    Baía dos Porcos

    Também considerada uma das praias mais bonitas do Brasil, é ótima para snokel e você pode, inclusive, observar tartarugas por ali. A praia tem uma tonalidade esverdeada incrível, só vendo ao vivo para acreditar. Na maré baixa formam-se piscinas naturais com peixinhos que são uma graça. Há, ainda,…

  • Buraco-da-raquel

    Buraco da Raquel

    O Buraco da Raquel, apesar do nome um tanto estranho, nada mais é do que um mirante. Desse ponto você pode observar o Mar de Fora e o encontro das pedras com o mar. É um local interessante para ver as diferentes tonalidades que o mar assume, apreciar o visual e relaxar. Não se esqueça de levar a máquina fotográfica, pois o…

  • Cacimba-bistro

    Cacimba Bistrô

    Indo ao Cacimba Bistrô você tem a opção de se sentar na varanda e curtir o clima de Noronha ou ficar na parte interna, em meio a várias almofadas coloridas. O atendimento do lugar é bom, os pratos são bem servidos e tem um valor bem bacana para os padrões do arquipélago. Vale a pena conhecer o lugar à…

  • Flamboyant

  • O Flamboyant, bem na pracinha da Vila dos Remédios, tem boa localização e é uma boa alternativa para quem não quer gastar muito na hora de comer. O restaurante funciona no estilo self service e tem um preço legal, quando comparado ao custo geral em Noronha.

  • Forte-n-s-dos-remedios

    Forte N. S. dos Remédios

    O Forte, que fica pertinho da Vila dos Remédios, é um dos melhores lugares para poder apreciar o pôr do sol. A subida é íngrime, mas ao chegar e descobrir o visual que se tem das ruínas não há como dizer que o esforço não valeu a pena. O forte não está bem cuidado, mas é um…

  • Maracatu-no-bar-no-cachorro

    Bar do Cachorro

    O Bar do Cachorro é o melhor lugar para quem quer desfrutar a noite num lugar animado. Ele é o ponto de encontro não só dos turistas, mas também das pessoas que vivem na Vila e querem passar a noite dançando. Nas segundas-feiras o som é feito por um excelente grupo de maracatu, composto por próprios moradores, que…

  • Cacimba-do-padre

    Cacimba do Padre

    É uma das melhores praias da América do Sul para surfe. A Cacimba do Padre tem uma larga faixa de areia e um mar lindíssimo, mas bem bravo na época das ondas (de dezembro a março). Ali ocorrem diversos campeonatos, com os mais famosos surfistas do Brasil. Para o passeio na praia ficar completo, observe de perto as pedras gêmeas, no…

  • Igreja-n-s-dos-remedios

    Igreja Nossa Senhora dos Remédios

    A igreja de Noronha não tem muita coisa de especial, mas é bonitinha e vale uma foto, especialmente por ser dedicada à padroeira do arquipélago. O lugar é um dos principais pontos de referência na ilha e, se você precisar de alguma coisa que fique na região, certamente lhe indicarão a igreja. Sua…

  • Mergulho

  • Fernando de Noronha é um dos melhores lugares do mundo para mergulhar e observar as mais diversas espécies marinhas. Nos meses de setembro e outubro o mar fica não cristalino que a visibilidade chega a 50m – um motivo a mais para tirar muitos turistas de casa para conhecer esse paraíso. Quem nunca mergulhou com cilindro pode aproveitar uma…

  • Bolinho-de-tubalhau-no-museu-do-tubarao

    Museu do Tubarão

    O Museu do Tubarão, além de ser um lugar bacana para conhecer mais do modo de vida desse temido peixe, tem uma parte que funciona como restaurante. No restuaurante, com lindo visual, são servidas moquecas e outros pratos com frutos do mar, mas a atração principal é o bolinho de tubalhau. Feito com mandioca e carne de…

  • Paisagem-durante-passeio-de-barco

    Passeio de Barco

    Esse é também um dos passeios imperdíveis em Noronha, em que você pode observar os mais belos lugares do arquipélago. Fazer todo o trajeto é a certeza de se admirar com a natureza da ilha e observar diferentes tons no mar – um verdadeiro deslumbre! O passeio começa pelas ilhas secundárias, com pedras lindas e uma grande…

  • Passeio-no-barco-navi

    Passeio no barco Navi

    Quem não pode mergulhar porque está com filhos pequenos ou quem simplesmente não quer fazer essa atividade pode, ainda assim, apreciar as belezas do fundo do mar. A Navi é um barco moderno, cujo fundo é feito com uma lente que tem capacidade de aproximar uma imagem até 500 vezes mais do que uma máscara de mergulho. Assim, os…

  • Praia-da-conceicao

    Praia da Conceição

    A Praia da Conceição é um point em Noronha. A areia é fina, por um longo trecho, e muito fofa quando próximo da água. Os jovens gostam de ir até lá para bater bola, observar o pôr do sol num fim de tarde ou simplesmente aproveitar um dia quente junto ao mar. O mar tem ondas um pouco fortes de dezembro a…

  • Praia-do-meio

    Praia do Meio

    A Praia do Meio tem muitas pedras, mas é um dos lugares escolhidos pelos surfistas quando as ondas estão boas. A praia é cercada por bastante verde, que se mantém na cor de sua água – um verde bem clarinho e bonito. O acesso é feito por uma pequena trilha, que fica escorregaria caso tenha chovido em dias recentes.

  • Restaurante-do-ze-maria

    Restaurante do Zé Maria

    Além de ser considerada uma das melhores pousadas de Noronha, o Zé Maria possui um ótimo restaurante. O lugar fica aberto ao público tanto para café da manhã e almoço como para o jantar. No entanto, a grande atração fica por conta do Festival Gastronômico do Zé Maria, que acontece às quartas…

  • Varanda

    Varanda

    Como diz o nome do restaurante, o Varanda tem boa área externa para apreciar uma refeição. Os pratos são bem preparados e há opções para uma ou duas pessoas. O camarão ao creme de abóbora (R$ 102) faz bastante sucesso, mas se você quer experimentar algo diferente, pode apostar no risoto de frutas…

  • Administracao-de-noronha

    Vila dos Remédios

    A Vila dos Remédios é praticamente o centrinho de Noronha. Nela ficam os principais estabelecimentos do comércio local, assim como os restaurantes e até algumas lojinhas de lembranças. Se você precisar de algum tipo de serviço, é para lá que deve ir. Aproveite também para conhecer a Igreja Nossa Senhora da…

Praias de Fernando de Noronha

Quando se pensa em Noronha, é inevitável não pensar em suas praias. O mar nas ilhas do arquipélago é cristalino, feito de um misto de tons esverdeados que, conforme aumentam de profundidade, oscilam entre tons de azul – uma mudança espetacular. As águas mantêm uma temperatura agradável durante todo o ano e são ótimas para mergulho, mesmo com snorkel. Ver diferentes cardumes nas praias, tartarugas e, às vezes, pequenos tubarões é o que os turistas mais esperam, e, sem precisar de muita sorte, alcançam. A diversidade da vida marinha em Noronha é tão surpreendente que você pode observar animais extraordinários no seu habitat natural. A ilha está dividida entre Mar de Dentro, a parte voltada para o Brasil, e Mar de Fora, a parte contrária, voltada para a África. No Mar de Dentro ficam a Baía do Sancho, a Baía dos Porcos e a Cacimba do Padre, e o mar é mais tranquilo porque está protegido dos ventos. O Mar de Fora, ao contrário, é a parte do mar mais agitado, onde há mais pedras, além de menos praias. Mas duas praias muito boas para visitar no Mar de Fora são o Sueste, onde as tartarugas se alimentam, e a Praia do Leão, onde há a desova das tartarugas. Belíssimas. O Mar de Fora possui muitas praias diferentes, mas se você quer conhecer o melhor de Noronha, ir à Baía do Sancho é primordial. Essa é, simplesmente, a praia mais bonita do Brasil, e, ao chegar e perceber o visual para o mar, você entende o porquê de tanto apreço. Ande pelo paredão rochoso acima da praia, tire muitas fotos, observe o Morro Dois Irmãos e a Baía dos Porcos (outra praia igualmente charmosa). Depois de aproveitar toda a vista panorâmica, curta um mergulho no mar delicioso, cheio de peixinhos à sua volta. Nade com o snorkel, respire o ar puro do lugar, mergulhe e se encante com uma beleza tão pura que só Noronha é capaz de oferecer.

  • Atalaia

    Atalaia

    Apesar de ser chamada de praia, a Atalaia é, na verdade, um aquário natural, com água muito cristalina e rasa. Na maré baixa os cristais algais (que são parecidos com corais) formam uma barreira, deixando o lugar propício para moradia de peixes de diversas espécies. Para chegar à Atalaia é preciso fazer uma…

  • Baia-do-sancho

    Baía do Sancho

    Ela é considerada a praia mais bonita do Brasil, e não é pra menos. Curtindo a visão panorâmica, observando a cor da água e seus arredores, é impossível não ficar extasiado. O acesso é complicado, mas vale cada degrau descido. Primeiro o visitante precisa passar por dois lances de escadas entre fendas nas…

  • Praia-do-cachorro

    Praia do Cachorro

    A Praia do Cachorro é a mais próxima da Vila dos Remédios e acaba sendo um dos pontos que os turistas visitam quando querem um banho de mar pertinho da pousada. A água do mar nessa praia é muito bonita, com tonalidade esverdeada, bem clarinha. O acesso é simples, bastando descer uma escadaria para ter acesso à praia. Na…

  • Praia-do-leao

    Praia do Leão

    É a principal praia de desova de tartarugas, por isso tome muito cuidado ao pôr os pés na areia. Também por causa das tartarugas, é proibido ficar na praia após as 18h, e sempre há um controle rígido para evitar qualquer acidente. A visão panorâmica da praia é incrível,   e quem a visita…

  • Praia-do-porto

    Praia do Porto

    Muita gente não dá bola pra essa praia por achar seu visual mais comum e, por isso, pensa que ela não tem nada de especial. Ledo engano! Essa é a praia que muitos locais gostam de visitar, mas é também uma praia ótima para mergulho. Não muito longe da areia, está uma embarcação naufragada que hoje…

  • Praia-do-sueste

    Praia do Sueste

    A praia é boa para mergulho, mas é conhecida principalmente por ser a praia de alimentação de tartarugas. Quer ver tartarugas? Vá até lá! As ondas são fracas e, além das tartarugas, você pode observar muitos pássaros e lagartos. Para completar a beleza, do lado oposto da praia fica um mangue – coisa…

  • Baia-dos-porcos

    Baía dos Porcos

    Também considerada uma das praias mais bonitas do Brasil, é ótima para snokel e você pode, inclusive, observar tartarugas por ali. A praia tem uma tonalidade esverdeada incrível, só vendo ao vivo para acreditar. Na maré baixa formam-se piscinas naturais com peixinhos que são uma graça. Há, ainda,…

  • Cacimba-do-padre

    Cacimba do Padre

    É uma das melhores praias da América do Sul para surfe. A Cacimba do Padre tem uma larga faixa de areia e um mar lindíssimo, mas bem bravo na época das ondas (de dezembro a março). Ali ocorrem diversos campeonatos, com os mais famosos surfistas do Brasil. Para o passeio na praia ficar completo, observe de perto as pedras gêmeas, no…

  • Praia-da-conceicao

    Praia da Conceição

    A Praia da Conceição é um point em Noronha. A areia é fina, por um longo trecho, e muito fofa quando próximo da água. Os jovens gostam de ir até lá para bater bola, observar o pôr do sol num fim de tarde ou simplesmente aproveitar um dia quente junto ao mar. O mar tem ondas um pouco fortes de dezembro a…

  • Praia-do-meio

    Praia do Meio

    A Praia do Meio tem muitas pedras, mas é um dos lugares escolhidos pelos surfistas quando as ondas estão boas. A praia é cercada por bastante verde, que se mantém na cor de sua água – um verde bem clarinho e bonito. O acesso é feito por uma pequena trilha, que fica escorregaria caso tenha chovido em dias recentes.

  • Transportes em Fernando de Noronha

    Fernando de Noronha é um arquipélago pequeno, mas não pense que por isso você vai poder ir andando de um lado pro outro o tempo todo. Você pode caminhar, sim, mas pegar um ônibus facilitará bastante a viagem, além de ser econômico. Para quem quer conforto, alugar um buggy é a melhor opção, mas como eles nem sempre estão baratos, você pode utilizar os táxis.

  • A  pé Caminhar é inevitável para quem visita Noronha, principalmente porque algumas praias têm acesso apenas por trilhas. Se você é do time da preguicinha, é melhor saber disso antes de viajar.Para quem se hospeda na Vila dos Remédios, na Vila dos Trinta ou na Floresta Nova, é bem tranquilo ir caminhando entre essas zonas até as praias mais próximas, como as do Cachorro, Meio ou Conceição.Carona Os locais estão acostumados a parar pela BR de Noronha e pedir carona. Muitos turistas, quando estão em uma ou duas pessoas, costumam fazer isso, também. Como o lugar é pequeno, todo mundo se conhece e não há perigo. Essa é uma maneira prática e rápida, que funciona bem quando o ônibus demora a passar.Ônibus Os ônibus são uma boa maneira para andar pela ilha e custam bem pouco (R$ 1,50). O lado negativo de depender desse tipo de transporte é que há apenas dois ônibus em Noronha, e com frequência um deles está quebrado. Sendo assim, prepare-se para esperar quando tiver que pegar um ônibus, porque esse tipo de serviço é bem precário na ilha. Buggy  Alugar um buggy é um tanto comum quando se visita Noronha e ele traz conforto e autonomia, mas é preciso analisar bastante a situação. As diárias variam muito ao longo dos meses e podem ir de R$ 150 a R$ 500. A gasolina não é barata (R$ 4, o litro) e em muitos buggys o indicador de combustível não funciona – essa é uma pequena malandragem feita para que a pessoa não tenha noção de quanto já gastou de combustível. Se você quer alugar um buggy, faça isso apenas nos dias em que pretende conhecer mais lugares. Se a ideia é ter um dia menos agitado, use o táxi, que sai mais barato. Táxi Os táxis não são baratos, tendo em vista as distâncias que percorrem, mas eles são uma maneira confortável de andar por Noronha. Quem achou caro alugar um buggy pode utilizar os táxis para ir a alguns lugares. A dica é pegar o cartão de um taxista e ligar para ele quando precisar, porque os táxis não ficam circulando por Noronha à vontade.
  • Dicas de Fernando de Noronha

    – Para ter acesso ao arquipélado mais badalado do Brasil é preciso pagar uma taxa de preservação ao Estado de Pernambuco. A taxa não é nem um pouco barata (R$ 43,20, por dia), mas é necessário pagá-la se você visita Noronha a turismo. E como o pagamento é obrigatório, é melhor fazê-lo pelo site oficial de Noronha, entre dois e três dias antes da sua viagem. Pagando pelo site e não no próprio aeroporto você evita uma fila que sempre se forma na chegada dos voos. – Faça a reserva de sua pousada com antecedência. Os preços das hospedagens em Noronha raramente tem bom custo-benefício – como tudo na ilha -, mas escolhendo a pousada com tempo de folga você terá mais alternativas e chances de encontrar ofertas. – Tudo em Noronha é muito caro (muito caro mesmo). É normal uma lata de refrigerante custar R$ 5 ou uma cerveja, R$ 7. Vá para lá tendo isso em mente. Todos os produtos de que turistas e moradores precisam chegam ao arquipélago de barco, fazendo encarecer todo tipo de serviço. – Cartões de crédito são aceitos nas principais pousadas e restaurantes, mas em alguns lugares a transação é apenas em dinheiro. Há uma agência do Santander na Vila dos Remédios, um caixa eletrônico da rede 24h no aeroporto e um da Caixa no supermercado. Mas não conte apenas com os caixas eletrônicos. Por precaução, leve  um pouco de dinheiro. – De dezembro a julho é época de reprodução da tartarugas. Nesse período é possível acompanhar as atividades do Projeto Tamar, que incluem desova, medição ou eclosão de ninhos. É lindo de ver. – Leve roupas frescas, porque sempre faz muito calor em Noronha. Vale o aviso, também, de ter na mala uma roupa de frio para aqueles que são mais sensíveis aos ventos. – Se você possui márcara e tubo de respiração para mergulho, não esqueça em casa. É possível alugar na ilha, sim, mas trazendo seu próprio conjunto você não tem o trabalho de alugar e precisar pagar por fora. – Celulares funcionam, sim, em Noronha, mas não em todos os pontos da ilha. A internet 3G do celular deixa bastante a desejar, mas grande parte das pousadas possui conexão de internet para os hóspedes. – Protetor solar e repelente são produtos para ter na bolsa toda vez que você deixar a pousada. Quando programar um mergulho, não deixe de passar protetor nas orelhas, nas costas e no bumbum – essas partes queimam bastante. – Aos que acham que Noronha tem muita infraesutrura e é como uma pequena cidade, não se enganem. Vá para lá ciente de que a estrutura da ilha é limitada, muitas ruas não são asfaltadas e, quando chove, é comum ter que pisar em um pouco de lama. As praias nem sempre são de fácil acesso; por isso, caminhar faz parte do dia a dia e tudo isso faz parte da magia do lugar. Sem um pouco de esforço, não dá para desfrutar de Noronha. – É sempre bom levar água e um biscoito na mochila, pois as praias quase não têm estrutura. – Leve os remédios básicos que você usa no dia a dia, pois a farmácia de Noronha pode ser cara e, além disso, pode não ter o medicamento de que você precisa. – Não encha o tanque do buggy de gasolina quando alugar um. Além de o combustível ser caro, os marcadores dos carros costumam estar quebrados justamente para o turista colocar bastante gasolina e acabar deixando para quem aluga o veículo.

Leave A Comment

Este website usa cookies e serviços de terceiros. Política de Privacidade Ok